Nos siga nas redes sociais

Religião

Top 10 igrejas mais antigas do mundo

A designação de igrejas mais antigas do mundo exige uso cuidadoso de definições, e deve ser dividida em 2 partes. O mais antigo no sentido de construção sobrevivente mais antiga; e mais antigo no sentido de congregação da igreja cristã mais antiga.

Mesmo aqui, há a distinção entre as construções de igreja antiga que estiveram em uso contínuo como igrejas, e aquelas que foram convertidas a outros propósitos; e entre edifícios que estiveram em uso contínuo como igrejas e aqueles que foram fechados por muitas décadas.

Em termos de congregações, são diferenciados entre as primeiras congregações estabelecidas que têm estado em existência contínua, e primeiras congregações que deixaram de existir.

10°

Basílica da Natividade

Basilica da Natividade entre as igrejas mais famosas do mundo
A Basílica da Natividade em Belém (Palestina) é uma das igrejas mais antigas em funcionamento continuamente no mundo. A estrutura é construída sobre a caverna que a tradição marca como o local de nascimento de Jesus de Nazaré, e assim é considerada sagrada pelos cristãos. O lugar é também reverenciado pelos seguidores do Islã, além de ser uma das igrejas mais famosas do mundo.

Mosteiro Ortodoxo de Santa Catarina

Mosteiro Ortodoxo de Santa Catarina entre as igrejas mais antigas do mundo
O Mosteiro Ortodoxo de Santa Catarina, Monte Sinai, na Península do Sinai, na foz do desfiladeiro ao pé do Monte Sinai. O mosteiro é ortodoxo e é Patrimônio Mundial da UNESCO.

Basílica de Santa Sofia

Hagia Sophia entre as maravilhas do mundo
A Basílica de Santa Sofia é uma antiga basílica patriarcal ortodoxa, depois uma mesquita, e agora um museu em Istambul, Turquia. Da data de sua consagração em 360 até 1453, serviu como a catedral de Constantinopla, exceto entre 1204 e 1261, quando foi convertida à catedral católica romana sob o Patriarca Latino de Constantinopla do Cruzado Ocidental estabelecido como Império Latino. A construção foi uma mesquita de 29 de maio de 1453 até 1934, quando foi secularizada. E foi aberta como um museu no dia primeiro de fevereiro de 1935.

Igreja de São Simeão Estilita

Igreja de Sao Simeao Estilita entre as igrejas mais antigas do mundo
A Igreja de São Simeão Estilita é uma igreja bem preservada que remonta ao século 5, localizada em torno de 30 km a noroeste de Alepo, Síria. É construída no lugar do pilar de São Simeão Estilita, um famoso monge eremita. É popularmente conhecida como Qalat Seman a “Fortaleza de Simeão”.

Catedral de Tréveris

Catedral de Treveris entre as igrejas mais antigas do mundo
A Catedral de Tréveris é uma igreja em Tréveris, Alemanha. É a mais antiga catedral no país. A construção é notável por sua vida útil extremamente longa sob múltiplas eras diferentes. E cada uma contribuindo com alguns elementos para seu design, incluindo o centro da capela principal sendo feito de tijolos romanos colocados sob a direção de Santa Helena, resultando em uma catedral construida gradualmente, ao invés de reconstruída em eras diferentes. Suas dimensões, 112.5 por 41 m, fazem dela a maior estrutura de igreja em Tréveris. Desde 1986 tem estado na lista da UNESCO de Patrimônio Mundial.

Igreja de Santa Maria de Sião

Igreja de Santa Maria de Siao entre as igrejas mais antigas do mundo
A Igreja de Santa Maria de Sião da Igreja Ortodoxa Etíope é a igreja mais importante na Etiópia. Acredita-se que a igreja original tenha sido construída durante o reinado de Ezana, o primeiro imperador cristão da Etiópia, durante o século 4 d.C., e foi reconstruída várias vezes desde então.

Basílica de Saint-Pierre-aux-Nonnains

Basilica de Saint-Pierre-aux-Nonnains entre as igrejas mais antigas do mundo
Esta basílica é uma construção de igreja histórica em Metz, França, que foi construída em 380 d.C. e é uma das igrejas mais antigas na Europa. A construção foi originalmente desenvolvida como parte de um complexo de spa romano, mas a estrutura foi convertida em uso como uma igreja no século 7 se tornando a capela do mosteiro beneditino.

Uma nova parte foi construída nos anos 1000 com novas renovações interiores. No século 16, a construção se tornou um armazém e permaneceu assim até a década de 1970, quando foi restaurada e aberta para concertos e exposições.

Monastério de Santo Antonio

Monastery of Saint Anthony entre as igrejas mais antigas do mundo
Trata-se de um monastério ortodoxo copto situado em um oásis no deserto oriental do Egito. Oculto no fundo das montanhas do Mar Vermelho é localizado a 334 km a sudeste do Cairo. É um dos mais antigos monastérios do mundo, e foi estabelecido pelos seguidores de Santo Antônio, que é considerado o primeiro monge ascético.

Igreja Megiddo

Igreja Megido 2 entre as igrejas mais antigas do mundo
A igreja Megiddo em Tel Megiddo, Israel, é uma das construções de igreja mais antigas já descobertas pelos arqueólogos, datando ao século 3 d.C. Em 2005, o arqueólogo israelense Yotam Tepper da Universidade de Tel-Aviv descobriu os restos de uma igreja, acreditou ser do século 3, uma época quando os cristãos eram ainda perseguidos pelo Império Romano.

Os restos foram encontrados na prisão de Megiddo, que é localizada a poucas centenas de metros ao sul de Tel. Entre as descobertas está um grande mosaico com aproximadamente 54 metros quadrados, com uma inscrição grega afirmando que a igreja é consagrada ao “Deus Jesus Cristo”. O mosaico está muito bem preservado e possui figuras geométricas e imagens de peixe, um símbolo primitivo cristão.

Igreja de Dura Europos

Igreja Dura Europos 2 entre as igrejas mais antigas do mundo
Nesta seleção das igrejas mais antigas do mundo, a igreja de Dura Europos é a mais antiga igreja cristã identificada. É localizada em Dura-Europos na Síria e data de 235 d.C. O lugar de Dura Europos, uma antiga cidade e fortificação murada, foi escavado em grande parte nos anos 1920 e 1930 pelas equipes francesas e americanas. Dentro do sítio arqueológico, a igreja está localizada pela décima sétima torre e preservada pelo mesmo preenchimento defensivo que salvou a sinagoga próxima de Dura Europos.

Ver 1 comentário

1 Comentário

  1. Fábio

    18 de janeiro de 2018 ás 2:33

    seria interessante colocar as datas nos textos das igrejas que não as têm!

Deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Vistos