Ínicio » Conhecimento Geral » Top 10 maiores exportadores de vinhos do mundo

Top 10 maiores exportadores de vinhos do mundo

Nesta seleção estão em destaque os 10 maiores exportadores de vinho do mundo, e os mesmos respondem por 88% das remessas globais. Em 2015, o valor da exportação do vinho foi de 28.3 bilhões de euros, que foi um aumento de 9% comparado com um ano atrás.
Em termos de quantidades, a exportação aumentou por aproximadamente 1.9 milhões de hectolitros (1 hectolitro equivale a 100 litros). Os dados mais recentes da Organização Internacional de Vinha e Vinho mostram que houve um declínio contínuo em área sob videira.
Apesar da retração global na área sob videira, a produção de uva tem estado em crescimento devido à maior produção e condições climáticas favoráveis. Para esta seleção foram considerados dados da International Wine Central. As quantidades apresentadas representam as estimativas da organização para 2015.

10°

Argentina – Exportação 2.700.000 hectolitros

argentina entre os maiores exportadores de vinhos do mundo
Por um longo tempo, a Argentina se focou exclusivamente em produzir vinho para o mercado interno. A mudança surgiu na década de 1990, quando o país começou a investir e produzir vinho de melhor qualidade que poderia se tornar competitivo no mercado internacional.

Portugal – Exportação 2.800.000 hectolitros

portugal entre os maiores exportadores de vinhos do mundo
Portugal não tem apenas uma longa história de produção de vinho, mas é também um dos primeiros países que começaram a vender o produto fora de suas fronteiras. O país embarcou vinho para o Império Romano, enquanto o comércio moderno começava no início do século 18.
O primeiro país que comprou vinho português foi Inglaterra, e manteve-se um dos principais importadores de vinho de Portugal. Nos últimos 5 anos, o valor do vinho português exportado para o Reino Unido aumentou por 19%.

Alemanha – Exportação 3.600.000 hectolitros

alemanha entre os maiores exportadores de vinhos do mundo
Comparada com Portugal, a Alemanha produz menos quantidades da bebida, mas exporta e consome mais. Uma das características distintivas da produção de vinho na Alemanha é que muitos produtores de vinho dependem da agricultura orgânica.

Estados Unidos – Exportação 4.200.000 hectolitros

estados unidos entre os maiores exportadores de vinhos do mundo
Os Estados Unidos são o quarto maior produtor de vinho. Em 2015, 22, 140hl da bebida foram produzidos. A maior quota, cerca de 90% veio da Califórnia, que é também o estado com maiores números de vinícolas, 3.782. Como outros países não europeus nesta seleção, os EUA registrou um aumento contínuo em exportação nos últimos anos.

África do Sul – Exportação 4.200.000 hectolitros

africa do sul entre os maiores exportadores de vinhos do mundo

A África do Sul é décimo segundo maior produtor de vinho e a área ao redor da Cidade do Cabo é o epicentro da vinificação. WOSA estima que um pouco menos de 100.000 hectares estão sob videira, enquanto a maior parte da colheita anual de uvas, em torno de 80%, é usada para produção do vinho.
A indústria emprega cerca de 300.000 pessoas, e é uma importante contribuinte para as receitas totais de exportação do país, que é sexta posição nesta seleção.

Chile – Exportação 8.800.000 hectolitros

chile entre os maiores exportadores de vinhos do mundo
O Chile é um dos países que não apenas aumentou a área sob videira, mas também fez uma série de melhorias no processo de produção que resultou em qualidade superior do vinho e maior competitividade no mercado internacional. Nos últimos anos, a exportação de vinho do Chile quadruplicou.

França – Exportação 14.000.000 hectolitros

franca entre os maiores exportadores de vinhos do mundo
Em 2015, o país embarcou 14.000 hl que foi uma queda pelo terceiro ano consecutivo. Apesar de exportar menos vinho, o país classifica como primeiro, em termos de valor de remessas.
No último ano, o valor das exportações atingiu 8.2 bilhões de euros, que foi 6.7% de aumento em relação ao ano anterior. Os fatores que influenciaram o aumento foram o euro enfraquecido, crescimento significativo de exportação para China, e aumento de venda do champanhe.

Itália – Exportação 20.000.000 hectolitros

italia entre os maiores exportadores de vinhos do mundo
A vinificação tem uma longa tradição na Itália, que remonta a 800 a.C., a época quando os colonizadores gregos introduziram a vinicultura para Sicília. No ano passado, o país produziu as maiores quantidades de vinho no mundo.
O volume de 49.5 milhões de hectolitros, que representou 18% da produção global de vinho, permitiu a Itália a recuperar o primeiro lugar entre os produtores mais importantes do mundo. Além de ser o maior produtor e o segundo maior exportador de vinho, o país está também entre os principais países consumidores.

Espanha – Exportação 24.000.000 hectolitros

espanha entre os maiores exportadores de vinhos do mundo
As remessas geraram a receita de 2.6 bilhões de euros, o que determina o país no terceiro lugar entre os principais exportadores do mundo, atrás da França, que ganhou 8 bilhões de euros, e Itália cujas remessas de vinho valeram 5 bilhões de euros. Atualmente, os principais importadores do vinho espanhol foram França, Alemanha e Itália.
Veja também os vinhos mais caros do mundo.

Postado por Adriano Lucas

Adriano Lucas, é fundador do Top10mais.org, tem 28 anos, mora em Cuiabá. Estudante do curso de Sistemas para Internet, esta sempre disposto a aprender e compartilhar em seus blogs, as diversas curiosidades existentes no mundo. Blogar é seu hobby desde 2009, mas tornou-se sua principal atividade a partir de 2011.

Veja também:

ucrania entre os maiores paises produtores de ovos do mundo

Top 10 maiores produtores de ovos do mundo

Os 10 países maiores produtores de ovos do mundo respondem por quase 70% da produção …

Um comentário

  1. Pensei que a Itália seria a primeira colocada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *